Resumo Digital

Tragédia da Kiss

Quem não sentiu naquela manhã de 27 de janeiro de 2013. Eu estava chegando a beira-mar em Capão da Canoa e fui comunicado às 8h30 que eram 40 vítimas, tomei o carro e voltei a Santa Maria. A todo instante aumentava o número de jovens que nos deixaram tão cedo. Acompanho há oito anos o dilema das famílias, a saudade, perdi amigos e clientes. Não dá para esquecer um pai e uma mãe das Missões com um filho único, todo o futuro pela frente na universidade, naquele domingo aqui chegaram para levar o corpo para sua cidade e comunicaram que estavam entregando o imóvel onde o rapaz morava. Esse e tantos fatos só quem esteve no CDM naquele domingo jamais esquecerá o que foi visto. Dois caminhos, primeiro: eles não voltarão, deixaram saudades e tristeza; segundo: nesses oito anos sempre conclamei a todos para que rezem pelo descanso eterno e lá no alto a felicidade de cada um, portanto hoje medite no seu caminho de fé peça a paz e o descanso eterno a cada um deles. Por outro lado, entregamos à justiça do homem para julgar, apurar responsabilidades e devemos confiar nela para que tudo se resolva, o nosso dever é único, orar para eles e para suas famílias. E nessa madrugada às 2h30 vai ser acionada a sirene que marca a tragédia. E às 20h uma live com personalidades brasileiras que farão sua manifestação acompanhe pelo Facebook da AVTSM.

Restaurante Popular: depois de tanta luta, projetos, reformas a prefeitura conseguiu reabrir no passado o Restaurante Dom Ivo Lorscheiter próximo ao Itaimbé na rua Dr. Pantaleão. Funcionando muito bem, servindo quem precisa se alimentar, com toda estrutura moderna, gerenciado por uma empresa particular (assim vai). Mas há algum tempo tenho ouvido lideranças locais sobre construir outro restaurante popular para atender aquela região e tantas pessoas que precisam se alimentar, muito mais agora com a pandemia e o fim do auxílio emergencial. A iniciativa é brilhante, só que os idealizadores desse projeto que estão avançando e insistindo na construção, me parece ter cunho político. No entanto, opiniões se manifestaram, nos deram a sugestão e nós passamos a transcrever: se temos um no centro para as pessoas virem almoçar aqui ainda tem o custo da passagem, concordamos. Então porque não aproveitar a estrutura e logística do atual, cadastrar na parte oeste pessoas que precisam dessa alimentação e que com agendamento prévio preparar as refeições aqui no centro e com marmitex diariamente transportar para a região cadastrada e que precisa. Não teria um custo menor? É uma questão de gestão, fiscalização e eficiência. O local atual é suficiente para produzir muito mais e quando uma empresa faz isso só podemos esperar bons resultados. Fiquem atentos, o setor empresarial sempre costuma emitir sugestões que nem sempre são bem recebidas pelos gestores públicos, pois alguns visam apenas seus interesses. Amadureçam essa ideia e se um dia tiver dinheiro sobrando que dê para investir e ajudar mais que seja feito, mas por enquanto utilizem o existente.

Pêssego: a estiagem no estado prejudicou vários segmentos, a previsão é de afetar novamente o milho, mas o agronegócio foi atingido em grande parte a não ser o arroz que retém irrigação. Nos Altos de Cima da Serra, além da uva, do vinho, da maçã, do queijo, turismo e indústria o plantio de pêssego também ganhou espaço. Lamentavelmente apenas 5% das 10 mil toneladas produzidas por uma família puderam ser aproveitados devido a uma geada fora de época, mesmo que estivessem bons para consumo, a parte externa da fruta não estava de acordo com os padrões para venda e os 95% foram doados ao Banco de Alimentos. Que a próxima safra seja em dobro para os produtores solidários.

Condomínios estão chegando: que beleza, grandes investimentos e a prefeitura só vai aprovar os projetos, faturar com o IPTU e a coleta do lixo e os moradores vão dar suporte e manter os condomínios. Dia 28 será lançado aqui oficialmente a Casa Viva, loteamento na 287próximo ao Atacadão. E neste ano ainda teremos inúmeros lançamentos pelo que vem sendo comentado.

Goiânia: uma transferência de presos hoje em função de reforma no presídio foi mostrado pelas redes sociais que lá estavam 1,5 mil chips, um celular via satélite, 22 pistolas, 4,4 mil cartuchos de munições, 230 facas e R$ 310 mil. Sem comentários. Onde está a direção desse presídio e como o material chegou lá dentro? Imaginem no Brasil o que temos então.

APOIO: Construtora Jobim, Pampeiro, Expresso Medianeira, Floricultura Yamamoto, Casa do EPI, Vidraçaria Miragem, CFC Padre Reus, AM Brum Assistência Familiar e Funerária Angelus, Desinservice, Sislimpa, Sicredi, Unimed, Dr. Adair Marques, Sercimaq, Labivida, Pozzobon Agropecuária, Auto Ivo Multimarcas, Posto São Marcos, Churrascaria Bovinu’s, Sibrama, HCAA, Multipress,  Sindisama, Acolher em Casa, Restaurante Minuano, Mecânica Manfio, Irmãos Bissacotti, Beliva Distribuidora, Ponto da Dieta, Sucessu’s Tecidos e Malhas, Churrascaria Tertúlia, Agafarma Camobi, Walter Beltrame, Redemac Potrich, SM Fibras, Santa Catarina Transportes, Pizza You, Vigilare, Bella Trento, Mecânica Medianeira Randon, Madeireira Cerrito, Guigu’s Gás, Duque Auto Posto, Loja Safira, Frazzon Iluminação, Restaurante Vera Cruz, Ponto das Pedras, Ravanello Restaurante, Moinho Santa Maria, Casa do Pastel, Estação Rodoviária, Tiane Jóias.

Comment here