Sem categoria

Prefeitura e seus imóveis

Sabemos que a prefeitura municipal é proprietária de inúmeros imóveis pelo município, da mesma forma o estado e a união que muitas vezes nem sabem o que tem. Com tanta tecnologia esperamos que por aqui o cadastro esteja atualizado dos locais aproveitáveis ou negociáveis para deixar de pagar o aluguel, é tudo questão de planejamento e busca de parcerias para os fatos acontecerem, o dinheiro arrecadado seria aplicado em outros setores. A sede do executivo municipal tem um erro estratégico, sendo construída ali sem estacionamento para o contribuinte e falta espaço para secretarias, com isso dificulta o trabalho e faz com que fiquem espalhadas pela cidade. A câmara de vereadores que é de 1858 sempre está em reformas, não podendo ser diferente, adequar a mesma dentro da legislação atual é um fato dramático. Em entrevista na semana o presidente da câmara, Adelar Vargas, lançou uma opinião bombástica, a de devolver o prédio em construção para a prefeitura municipal, esta é nossa opinião. Não devemos devolver, mas sim negociar com uma construtora que faça ali o que quiser em troca de lotes da prefeitura com a construção de um prédio moderno, econômico e prático para os vereadores. O que mais impressionou na entrevista foi o fato de dizer que lugar de vereador é na rua, o contato é importante, mas como vão discutir e fazer as leis a contento com a eficiência que tanto a cidade precisa. Percorrendo a cidade na Rua Ângelo Uglione, próximo da prefeitura e do restaurante popular, podemos ver um belo terreno, precisamos negociar o mesmo e construir ali o que for possível, recebendo em permuta os primeiros andares para a prefeitura colocar as secretarias. É um desperdício este local que acumula lixo, é tudo uma questão de negociação, ou também nas oficinas que se localizam na Avenida Medianeira, o KM-2 e a própria Gare com tanto espaço para acolher órgãos públicos. É uma pauta que será levada em nossas próximas edições e no programa de Rádio.

Comment here