Edição impressa

Corsan em ação

Após a assinatura do contrato por longos anos com a prefeitura, promessa de investimentos, depois de tanta espera constata-se obras da estatal. Não poderia ser diferente pela receita fácil que Santa Maria lhe produz, e aqui há uma riqueza de água que são as barragens que vem da serra, os reservatórios e principalmente a Barragem do DNOS no Campestre Menino Deus, as estações de tratamento e o que não faltam são modernos reservatórios e outras riquezas que a água da região central proporciona a seus moradores. Sabemos também que pelos 162 anos de Santa Maria a rede de esgoto e de água foi construída dentro das necessidades, a cidade cresceu, a construção civil muito mais e encontramos no centro ainda redes de esgoto com manilhas de 1930 e os canos vulcanizados que a ferrugem vai corroendo. Mas para melhorar e resolver os problemas, quanto mais velhos, mais graves se tornam até porque a cidade no perímetro urbano tem quatro sangas que acolhem de tudo. É só construir uma nova cidade como estão fazendo ou então condomínios fechados e tudo se resolve. E Camobi que poucos municípios do estado tem tantos habitantes e estrutura como esse bairro, depois de tanto tempo com o padecimento sem água, agora a Corsan investiu e promete a solução da rede de esgoto com as obras de ampliação da estação de tratamento com investimento significativo na Vila Lorenzi que vai receber a rede de esgoto de Camobi e as obras estão em ritmo acelerado. Isso enaltece e vem resolver problemas de saneamento básico não só em Camobi como na região. E se a tubulação passar ao lado da Perimetral quantos loteamentos serão beneficiados por estarem ao lado da mesma. Recentemente autoridades visitaram as obras na Vila Lorenzi e a superintendência local não mede esforços para sempre resolver as questões pela falta d’água e constatamos também uma sintonia com a prefeitura para acabar com o que acontecia nos velhos tempos da prefeitura asfaltar e a Corsan quebrar para arrumar e deixar inacabado. Acho que o bom entendimento sempre é produtivo.

Comment here