GastronomiaResumo Digital

Boa tarde, 2 de fevereiro

Primeiro a parte religiosa: Nossa Senhora dos Navegantes, a protetora dos que navegam pelos mares, rios e lagos. São milhares de imagens no mundo com nomes diferentes, mas todas trazem o nome de Maria, a mãe de Jesus. É ela o estímulo para uma vida preservante de amor a Deus e de bondade para com o próximo. Diante da pandemia as proibições de eventos não permitiram que a população recorresse às tradicionais festas nos rios e mar também a Iemanjá. Pelo estado foram mantidos os feriados em alguns municípios, bem como no litoral e na capital aconteceram as procissões com moderação e distanciamento. Um dia para refletir no momento atual sobre o quadro nacional.

Brasília: o Planalto conseguiu o que queria, elegeu os presidentes das casas e pelo menos aqui no estado a greve dos caminhoneiros para a tristeza dos sindicatos não foi como o esperado. Cada um tire suas conclusões.

Carnaval: quase 20 estados não farão ponto facultativo, o que significa, sem feriadão. Precisamos trabalhar, investir, gerar empregos e investimentos. É a mudança que tanto o país necessita com novos hábitos e novas determinações. Alguns estados ainda estão resistindo e querem o feriadão. No entanto, tenho certeza que quantos por conta própria faltarão ao trabalho.

Solidariedade: a entrevista de ontem do prefeito municipal deu o recado aqueles que estavam criticando que Santa Maria recebe hoje dezenas de pessoas contaminadas pelo covid-19 vindas de Manaus e Rondônia. É bom esclarecer que o hospital da Universidade é federal e o Regional é para atender a região central, as ordens vem de cima e devem ser acatadas. Mas o Jorge levantou uma questão interessante, em 27 de janeiro de 2013, o Brasil foi solidário com Santa Maria e não faltou apoio para prestar colaboração e solidariedade às vítimas e às famílias. Chegou a nossa vez, de uma forma ou outra, de Santa Maria compensar aquele dia triste de janeiro. E se temos espaço e a situação sob controle, porque não receber, tantas pessoas que buscam atendimento.

Carteira de Motorista: já estão em vigor os novos preços. Quem paga é o consumidor. As autoescolas precisam de receita para manter a estrutura, porque o estado não reduz suas taxas.

Capão da Canoa: 1 dormitório, com garagem no Centro. De segunda a sexta para até 4 pessoas diária R$160, final de semana diária R$ 180. 10 dias por R$ 150 a diária. Ligue 55 98407-1000.

Jornal A Cidade: preparando hoje a edição de quinta-feira dia 4. Você que tem loja e está com promoções como constatamos hoje na Sibrama, Safira, Ótica Noal, Madeireira Cerrito, Sercimaq, Sucessu’s, Xelymavi, Pampeiro e outras, aproveite o espaço do jornal e no sábado fortaleceremos na Rádio Imembuí.

APOIO: Construtora Jobim, Pampeiro, Expresso Medianeira, Floricultura Yamamoto, Casa do EPI, Vidraçaria Miragem, CFC Padre Reus, AM Brum Assistência Familiar e Funerária Angelus, Desinservice, Sislimpa, Sicredi, Unimed, Dr. Adair Marques, Sercimaq, Labivida, Pozzobon Agropecuária, Auto Ivo Multimarcas, Posto São Marcos, Churrascaria Bovinu’s, Sibrama, HCAA, Multipress,  Sindisama, Acolher em Casa, Restaurante Minuano, Mecânica Manfio, Irmãos Bissacotti, Beliva Distribuidora, Ponto da Dieta, Sucessu’s Tecidos e Malhas, Churrascaria Tertúlia, Agafarma Camobi, Walter Beltrame, Redemac Potrich, SM Fibras, Santa Catarina Transportes, Pizza You, Vigilare, Bella Trento, Mecânica Medianeira Randon, Madeireira Cerrito, Guigu’s Gás, Duque Auto Posto, Loja Safira, Frazzon Iluminação, Restaurante Vera Cruz, Ponto das Pedras, Ravanello Restaurante, Moinho Santa Maria, Casa do Pastel, Estação Rodoviária, Tiane Jóias.

Comment here